segunda-feira, 19 de novembro de 2007

"Ninguém manda em mim!"

Meu amigo Flavio de Moraes me enviou este texto hoje. E este texto muito me chamou a atencao. Somos mesmo donos de nós mesmos. Diante de tanta gente rabugenta que nos cerca, nao devemos jamais permitir que essas pessoas determinem como devemos agir em nossas vidas, mesmo que seja alguem da familia.



"...Eu acompanhava um amigo à banca de jornal.

Meu amigo cumprimentou o jornaleiro amavelmente, mas, como retorno, recebeu um tratamento rude e grosseiro.

Pegando o jornal que foi atirado em sua direção, meu amigo sorriu atenciosamente e desejou ao jornaleiro um bom final de semana.

Quando descíamos pela rua, perguntei:

- Ele sempre lhe trata com tanta grosseria?

- Sim, infelizmente é sempre assim.

- E você é sempre tão atencioso e amável com ele?

- Sim, sempre sou.

- Por que você é tão educado, já que ele é tão rude com você?

- Porque não quero que ele decida como eu devo agir.

- Nós somos nossos "próprios donos". Não devemos nos curvar diante de qualquer vento que sopra, nem estar à mercê do mau humor, da mesquinharia, da impaciência e da raiva dos outros.
- Não são os ambientes que nos transformam e sim nós mesmos que transformamos os ambientes.


- Para saber quantos amigos você tem, dê uma festa.

- Para saber a qualidade deles, fique doente!". Related Posts with Thumbnails
Postar um comentário