sábado, 18 de setembro de 2010

Projeto "Dois pra lá, dois pra cá" - Homenagem a Joao Bosco e Aldir Blanc

Foto de Fabiano Teles


Meus querido amigos, após mais de um mês sem escrever, volto a apresentar a vocês minhas aventuras musicais.

Trago pra vocês o show que Pedro Mariano e Leila Pinheiro fizeram em homenagem aos 40 anos da parceria entre Joao Bosco e Aldir Blanc. Um vídeo com depoimentos de João e Aldir foi exibido antes de Leila Pinheiro entrar em cena. Leila abriu o espetáculo cantando "Agnus Dei":




O engraçado é que eu passei a semana ouvindo o CD Falso Brilhante que Elis Regina gravou em 1976 e a cançao "Jardim de Infancia" me chamou bastante a atençao pela letra complexa, Leila Pinheiro a cantou no show, a letra e melodia sao geniais mas devo admitir são também dificílimas:



Leila Pinheiro cantando "Cabaré":




Momento único do show foi quando o maestro e pianista, Itamar Assiére, trocou de instrumento, cedendo seu piano para Leila, que cantou "Corsário":





Leila e Pedro Mariano fizeram um dueto, ela contou que o conheceu quando ele tinha dez anos:
Achei lindo os dois cantando "Siameses" :




Pedro Mariano ficou com a parte mais dançante do show. Neste vídeo ele canta "Abigail caiu do céu", Pedro Mariano tem o swing da mãe :




Pedro Mariano cantando "Latin Lover":




Pedro Mariano cantando "Profissionalismo é isso aí" :




As luzes se apagaram, um vídeo com imagens de Charles Chaplin, de Betinho, do retorno dos exilados ao Brasil, dos comícios pedindo Diretas Já na década de oitenta, como introdução para a clássica "O Bêbado e O Equilibrista", cantada lindamente por Leila Pinheiro e a platéia:




E para encerrar eles cantando "O Rancho da Goiabada":







Related Posts with Thumbnails
Postar um comentário